Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BLOGUE DO MANEL

A vida tem muito para contar e partilhar com os demais. Esta é a minha rede social para partilhar histórias, momentos e pensamentos, a horas ou fora de horas, com e sem pés nem cabeça. Blogue de Manuel Pereira de Sousa

BLOGUE DO MANEL

A vida tem muito para contar e partilhar com os demais. Esta é a minha rede social para partilhar histórias, momentos e pensamentos, a horas ou fora de horas, com e sem pés nem cabeça. Blogue de Manuel Pereira de Sousa

SALVE O SEU TELEFONE OU SMARTPHONE

Manuel Pereira de Sousa, 12.02.14

Alguns de nós já tiveram a infelicidade de deixar cair o telemóvel ou smartphone em sítios com água, desde piscinas, charcos de água ou então aquela surpresa de o ver na sanita porque o pequeno lá de casa decidiu fazer a experiência para ver o que acontece.

Tirar o telefone da água e colocar ao sol, seca-lo com um secador de cabelo, colocar no forno ou junto à lareira é daqueles truques que muitos recorrem de imediato: secar a humidade de forma mais rápida. Correto ou incorreto? Incorreto.

A resposta vem hoje no site da Visão e pareceu-me importante partilhar.

Para evitar curtos-circuitos o melhor a fazer de imediato é desligar o telefone. Depois optar por:
- secar com uma toalha, de seguida enrolar em papel de cozinha e colocar o telefone num recipiente em arroz e deixar durante umas 24, 36 ou mais horas;
- alternativa é mergulhar em sílica gel (que vem com móveis, carteiras ou roupa em pequenos sacos e também usada para a higiene dos gatos) e fechar o recipiente porque este material absorve tudo à volta.

Soluções parecem existir, os métodos como secador ou forno são agressivos e podem estragar os componentes eletrónicos, por isso, é que nos manuais recomenda não deixar os smartphones expostos a temperatura elevadas.

Na pior das hipóteses o telefone pode não ressuscitar e aí, o melhor é assistência técnica se compensar o valor de reparação.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.