Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

"AGORA HÁ MAIS MULHERES A FUMAR QUE HOMENS!"

por Manuel Joaquim Sousa, em 06.04.14

“Agora há mais mulheres a fumar que homens” – expressão de um estranho que passa por mim na rua, dita com revolta para quem quisesse ouvir. Razão por ele ter dito aquilo: um grupo de três raparigas – que aparentemente trabalhavam por ali – descontraídas, na rua, a fumar o seu cigarro e na conversa – algo perfeitamente normal e sem causar qualquer incómodo a quem quer que passasse por ali. Pelos vistos, o incómodo seria apenas para este homem que manifestou a sua revolta em relação ao vício do tabaco nas mulheres porque se no lugar delas estivessem três rapazes não teria certamente feito qualquer reparo em voz alta.

Da mesma forma que o homem se sentiu indignado, também aproveito o meu espaço para manifestar alguma revolta por se ter tratado de uma atitude exagerada e até machista – como se as mulheres não tivessem o direito de ter os mesmos vícios que os homens e como se o tabaco fosse capaz de denegrir a personalidade e os fumadores deixem de ser pessoas de bem. Fosse essa a razão para que existam pessoas más no mundo.

Não sou fumador, ao contrário do que possam pensar por estar a defender as ditas jovens que estavam no seu mundo sem provocar qualquer interferência; até as poderia ter ignorado à passagem, não fosse aquela frase do sujeito e o meu inconsciente ter despertado para o cenário daquele instante. Sem dúvida e todos sabem que o tabaco é um vício que faz mal à saúde e à carteira, porém cada um sabe de si. Apenas me preocupo e considero importante que o fumador respeite os espaços fechados e tenha em consideração em respeitar o não-fumador para que possam ambos conviver. Além disso, desde que com as devidas condições na questão de ventilação e aspiração do ar, os estabelecimentos tenham sempre a liberdade de receber os fumadores – a tentativa de irradicação de fumadores dos espaços comerciais que têm condições é simplesmente uma limitação à liberdade de cada um. Reparamos bem que atualmente as entradas dos cafés, restaurantes, espaços comerciais e mesmo na rua se transformaram em autênticos cinzeiros ao ar livre, quando anteriormente estes mesmos espaços públicos eram mais asseados.

Vícios todos têm e todos com consequências para a saúde, para a carteira e que incomodam muitas pessoas. Há um lado irracional no vício, que nem sempre se controla racionalmente, apesar de conhecermos os seus efeitos.

Independentemente disso, a frase deste homem faz-me pensar que a sociedade ainda necessita de uma certa evolução de pensamento porque ainda vive de preconceitos totalmente descabidos e fora do nosso tempo. Que dirá mais este sujeito acerca das mulheres sobre o que não deveriam ter ou fazer como os homens?

Autoria e outros dados (tags, etc)

subscrever feeds




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Maio 2017

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa




Tags

mais tags