Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

QUE IMAGEM TEMOS DE GUIMARÃES?

por Manuel Joaquim Sousa, em 04.11.14

O que aconteceu na noite de Sábado em Guimarães, após o jogo Sporting – Vitória de Guimarães, foi muito grave – poderia ter custado a vida a duas pessoas. Do pouco que conheço de Guimarães tenho a ideia de que se trata de uma cidade acolhedora e calma, capaz de se virar para o mundo depois de ser a Capital Europeia da Cultura. Porém, o que aconteceu, e não querendo generalizar, provocou uma imagem muito má do que é Guimarães. Muitas pessoas pensarão duas vezes antes de ir para a cidade, pois não se sentirão seguras, nem livres de manifestar a sua opinião e as suas opções clubísticas.

 

O meu ouvido, por vezes, pode não ser correto e escuta aquilo que lhe convém, mas já tive oportunidade de aqui escrever há algum tempo sobre o estrago causado na estátua do Rei D. Afonso Henriques – quando os habitantes enchem o peito, e muito bem, por viverem no berço da nacionalidade. Quero com isto concluir que as notícias que nos chegam de Guimarães são tendencialmente mais negativas, que envolvem violência e estragos.

 

Creio que esta não será a imagem que a maioria dos Vimaranenses desejam passar para o exterior, mas contra factos poucos ou nenhuns argumentos poderão existir. O futebol em Guimarães tem um historial muito violento, com os mais diversos clubes – já é velho.

 

Sou apologista de povos bairristas que defendem o seu pedaço de terra; porém, é preciso ter mais contenção e respeito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

D. AFONSO HENRIQUES ESTÁ ZANGADO!

por Manuel Joaquim Sousa, em 31.08.14

 

Fonte de imagem: Wikipédia

 

O rei está zangado. D. Afonso Henriques foi vandalizado, esta noite, em Guimarães. Parte da sua espada em bronze foi partida. Foi guerra? Não. Foi alguém que decidiu brincar às espadas e a terá partido. Dizem que não terá sido a primeira vez que aconteceu um ato destes junto à estátua. Este deu nas vistas. Este provocou revolta. Com razão. Assim se trata o património histórico português. É um crime. Essa pessoa que pague o ato que fez. Não terá sido acidente. Foi mais desrespeito pelo rei, pelo berço da nacionalidade.

 

Guimarães é uma cidade que mal conheço, apesar de viver perto, mas é uma cidade que me cativa pela forma como se encontra organizada, restaurada, limpa. Admiro a suas gentes orgulhosas do que têm. Admiro-os pelo bairrismo em defender a cidade com "garra".

 

Achamos que o jovem merece castigo pelo dano que causou. Pelo menos está a ser criticado por muita gente. Mas, não olhem apenas para o dedo, se ele aponta para a lua. Olhem para onde aponta. Há muito património histórico nacional ao abandono. A ser estragado pelo tempo. Há muita irresponsabilidade, atraso e muita falta de orgulho no património histórico nacional - já foi pior, mas ainda continua mal. O Estado, detentor desse património deve ter responsabilidades acrescidas, muitas mais que aquele jovem, em que o seu ato é uma consequência da inconsciência do Estado (o inconseguimento do Estado diria a Presidente da Assembleia da Republica).

Sabemos bem que o património restaurado traz turistas, vendas de bilhetes. O património pode ser um grande receita para o PIB nacional, para além de manter a memória da glória dos nossos antepassados.

O rei está zangado, não apenas com o dito jovem, mas com todos aqueles que não cuidam ou simplesmente vandalizam o país que fundou e defendeu com o fio da sua espada. 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Posts mais comentados


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Maio 2017

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa




Tags

mais tags