Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


AMANHECER NO BOM JESUS

por Manuel Joaquim Sousa, em 21.06.15

 

 

O bom de procurar vencer os desafios de acordar cedo para praticar exercício proporciona a recompensa final - uma imagem magnífica, que nem sempre se consegue deslumbrar todos os dias.
Estes dias levantei ainda o dia estava a acabar de nascer, ainda a cidade estaria acordar para mais um dia, peguei na minha bicla e segui em direção ao Bom Jesus do monte, em Braga. Ainda são uns bons quilómetros para lá chegar e mais que a distância é a subida um pouco difícil para os principiantes - o verdadeiro desafio. Cheguei lá cima para a primeira paragem do itinerário a que me propus. Fantástico. Senti que estava a chegar ao céu ao atravessar uma neblina que cobria a cidade e que envolvia o Bom Jesus. Cenário belo aquele que nem sempre é possível captar com uma lente, mas apenas com a memória.
O esforço compensou. Foi um excelente presente para guardar na memória. A nossa vida é preenchida de memórias e as boas merecem o seu lugar de destaque.
Quem vem a Braga deve visitar o Bom Jesus - é como ir a Roma e ver o Papa. Um conselho para a viagem: subir no elevador movido a água ou subir a escadaria a pé e apreciar a paisagem, a natureza, as capelas com a Via Sacra, descansar numa esplanada, visitar a Igreja (agora Basílica), descontrair e lanchar no parque.
No meu caso, foi descer a alta velocidade para a cidade. Havia um dia de trabalho pela frente.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

HÁ VIDA PARA ALÉM DA INTERNET

por Manuel Joaquim Sousa, em 21.06.15

A dependência da internet é muito grande. Maior do que aquilo que julgo. Certamente não serei o único a pensar desta maneira. Mas, por maior que seja essa necessidade é importante que se saiba viver momentos sem ela. A Internet não pode dominar o Homem, quando foi este o criador desta maravilha tão útil para os nossos dias. Estive fora uns dias e nesse local a palavra internet foi ocasional, apenas nos locais onde o wifi estava disponível para o público geral. Ao princípio confesso que foi difícil, mas com o tempo fui percebendo que não era assim tão desvantajoso e que até foi útil estar sem internet. Há mais prazeres na vida para ocupar o tempo - ler. A leitura foi uma boa companhia. Que bom que era passar mais tempo sem a internet para me dar mais à leitura do papel, que sempre me seduziu em relação às versões eletrónicas. Em dois dias li a revista "Visão" do princípio ao fim e o jornal "Expresso" todo, incluindo a quase totalidade da revista "E". Estes prazeres são mais enriquecedores do que a internet. Com a versão papel não fiquei dependente da capacidade de rede ou disponibilidade do wifi, nem tão pouco preocupado com a necessidade de carregar o telefone ou o computador. A única desvantagem foi não conseguir atualizar o meu blogue com as coisas sem interesse.

Autoria e outros dados (tags, etc)

subscrever feeds




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Junho 2015

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa




Tags

mais tags